Publicado por: Profª Evelyne | Março 10, 2009

VISITA DE ESTUDO A CONSTÂNCIA

terra

2009 é o Ano Internacional centro-ciencia1da Astronomia, comemorando-se quatro séculos desde as primeiras observações telescópicas do céu feitas por Galileu. Neste âmbito, no passado dia 3 de Março, algumas turmas da escola E.B. 2,3 Eng.º Duarte Pacheco visitaram o “Centro Ciência Viva de Constância” que propõe actividades baseadas na Astronomia. Aproveitou-se para visitar o Jardim Horto de Camões situado, também, em Constância. Dois alunos relatam esta visita no Ribatejo.

No passado dia três de Março, os 9c2baa1alunos dos 9º anos e dos CEF’s do 9º ano foram a Constância visitar o Jardim Horto de Camões e o Centro de Ciência Viva.
Saímos de Loulé por volta das seis horas e quarenta e cinco da manhã e chegámos a Constância antes do meio-dia. Foi uma viagem de cinco horas!
9c2bac1Ainda de manhã, no Jardim Horto de Camões, estivemos a ver as plantas referidas em Os Lusíadas e nos textos líricos de Luís Vaz de Camões. Algumas das plantas existentes eram a pimenta, a cânfora, a árvore da canela, os narcisos, entre outras. A nossa guia contou-nos um pouco da vida de Camões e recitou alguns poemas do autor. À entrada do jardim, encontrava-se uma estátua de Camões, representado descalço e sem venda no olho e alguns versos do poeta.
Depois, estivemos a almoçar à beira do rio, na confluência dos rios Tejo e Zêzere.
rioMais tarde, no Centro de Ciência Viva, aprendemos um pouco mais sobre os planetas. No exterior, vimos, por exemplo, a representação do sistema solar, uma esfera celeste e um relógio de sol analemático. Estivemos também no planetário e visionámos, por fim, dois documentários sobre a transladação e a rotação da Terra.
Já perto das cinco horas partimos de Constância e chegámos a Loulé por volta das dez horas da noite.
A visita correu muito bem e todos gostaram muito porque estivemos em contacto com a natureza e aprendemos muita coisa sobre Camões e também sobre a astronomia.

Natércia, 9ºA

planetas1

Partimos muito cedo, pouco depois9c2bab das seis horas e trinta, ensonados, mas felizes por estarmos juntos em viagem ao desconhecido. Na ida, a chuva caminhou ao nosso lado, embaciando os vidros, o que proporcionou a alguns escrever nas janelas enquanto outros ouviam música e jogavam em conjunto. Assim, passámos as cinco horas da viagem e, quando chegámos, tivemos direito a observar as estrelas projectadas – não reais – fechados numa cúpula. Uma guia deu-nos a conhecer melhor as constelações que observamos todas as noites. Depois, fomos para o exterior onde ficámos a perceber melhor como são constituídos os planetas do nosso sistema solar.
9c2baeJá perto do Jardim Horto de Camões, almoçámos o que tínhamos trazido de casa: sandes, batatas fritas e até marmitas com salsichas e rissóis. Após a refeição de luxo que tivemos, estávamos mais do que preparados para descobrir Camões. Entrámos, então, no Horto onde recebemos a explicação dada pela guia que nos falou, principalmente, sobre a vida de Camões, cheia de desgostos amorosos e pobreza. Esta senhora era uma conhecedora de Camões, pois recitou vários excertos das suas obras. Caminhámos por entre as árvores exóticas e por entre cheiros doces que definitivamente eram os que o autor nos dá a entender na sua obra, descrevendo-os como ninguém.
A viagem de volta foi a que mais9c2bab-marinel ultrapassou as nossas expectativas e talvez a melhor parte do dia para alguns: os condutores do autocarro decidiram partilhar os seus gostos musicais com quem ia a bordo, pondo a tocar músicas que passaram por Quim Barreiros, Floribela e Pink Floyd. Todos cantámos, quer gostássemos ou não das músicas, pois, nessa altura, pusemos de parte os nossos interesses individuais e divertimo-nos como nunca, até o André Pinheiro, um colega, ficou rouco de tanto forçar a voz! No meio de esta alegria toda, nem demos pela viagem e ficámos triste por esta acabar.
Adorámos a viagem e esperamos que se repita com os mesmos professores (que também puseram à prova as suas vozes).

André André, 9ºB

camoes3poema3


Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: